Os Desafios de um TCC

Um dos maiores sonhos traçados pela classe adolescente, após terminar o ensino médio é fazer uma faculdade. As carreiras fantasiadas são as mais diferentes possíveis. O leque de profissões é intenso. Ele passa desde um secretário até presidente de uma corporação. Todas as utopias são possíveis, basta acreditar nelas, já dizia o filosofo. Mas as dificuldades para conseguir terminar todo o processo de estudo superior é longo, cansativo e desafiante.

Muitos psicólogos enfatizam que a universidade ensina muito além de uma simples matéria para determinada profissão. E sim, ela mostra os caminhos que a vida pode traçar para o estudante, colocando seus estudos apenas como um complemento perto da infinidade de traços rabiscados em cada canto do mundo. Em suma, um recinto com esse porte ensina o adolescente que está migrando para a fase adulta o real simbolismo da vida fora do cubículo administrado pela família.

Os passos que são referendados nesse ambiente acadêmico permitem ao estudante ter a liberdade de tirar e desenvolver novas dúvidas sobre questões que abrange seu curso e a vida como um todo. Alguns pedagogos afirmam que a presença da universidade na vida do estudante faz dele uma pessoa mais forte e capacitada para driblar os obstáculos do tempo, dentro e fora de sua profissão, transformando a entidade numa amiga.

Para chegar a desfrutar todos os passos que uma faculdade pode transpor, existe várias provas no meio do caminho, trabalhos dos mais variados tamanhos, com ideologias simples ou complexas, entre outros passos. Cada um deles funciona como uma espécie de aprendizado para a vida, pois quando esses desafios são postos, o cérebro do estudante começa a pensar em saídas para realizar uma atividade com coerência, qualidade e equilibrada. Uma boa oratória, nesses casos, é um ótimo caminho, que se aprende nesses momentos.

Todavia, o principal medo que muitos estudantes enfrentam se encontra justamente na fase onde a gloria deveria ser mais exaltada, que é a momento final do curso. A maioria das graduações exige que o estudante apresente um TCC pronto, elaborando um tema que seja condizente com os estudos realizados durante toda a extensão da graduação. Essas três letras causam, na maioria, medo, receio e muitas dúvidas. Mas elas não machucam como muitos imaginam.

A Importância da faculdade nos dias atuais.

Para a cabeça de muitos alunos, a realização de uma faculdade é o passaporte definitivo para a realização de teus sonhos, desde angariar grandes cargos empregatícios até a formação futura de uma família, aquisição de bens como casa, carro, entre outros. Em suma, o processo de graduação é o passaporte da vida juvenil para a adulta. Vários especialistas colocam esse momento como o mais importante para a consolidação de suas vidas. E esse pensamento é ampliado para outros setores, muito além da cultura jovem.

Várias leis, como o desenvolvimento de selos de qualidade busca enfatizar a qualidade da mão-de-obra do funcionário em vários aspectos, que vem desde a confecção do produto até o nível acadêmico que o mesmo tem. É muito difícil observar empresas que contratam funcionários sem uma base acadêmica. Os contatos de estágio são mais do que comuns, somado as vagas que são abertas com a predicação de contratar funcionários já formados. Quem não tem estudo superior, atualmente, está do mercado, atrofiando sonhos e criando grandes e ruidosos paradigmas.

Durante os anos 70 e 80, a realização de graduações eram feitas por um número baixo e insólito de pessoas. Nesse tempo, a preocupação pela mão-de-obra era maior no quesito da produção de peças do que na sua qualidade. Muitos observavam a força como um fator de destaque para uma contratação do que outros fatores, como a inteligência e todo um repertório que o candidato pudesse ter. Mas esse conceito mudou, e o mundo passa por uma fase onde as inovações devem ser constantes, oriundas da palavra “inteligência”. Um dos medidores desse conceito é a confecção de um TCC.

Como fazer um TCC com tranquilidade?

Muitas universidades brasileiras enfatizam que o processo mais temido para a confecção de um conteúdo é na fase final da graduação, o temível trabalho de conclusão de curso. Vários alunos só pensam nessa fase no momento em que ele se apresenta, se tornando um grande erro para a maioria dos professores. Eles avaliam que se todo esse processo tivesse início antes desse momento, a preparação para a realização dessas atividades seria mais leve, sadia e saudável. E o trabalho, em si, teria uma finalização mais coerente e boa. 

A partir do terceiro semestre (quando a maioria dos alunos definem se determinada graduação é o que ele quer), o processo de pensamentos em torno do TCC de administração deve ser iniciado. Nesse caso, não precisa se aprofundar em detalhes maiores. Realizar simples discussões para definir temas, e ao mesmo, tempo, observar o assunto mais decorrente no grupo é uma formula eficiente para observar qual norte o grupo poderá tomar e para quais designações cada integrante será inserido.

Em um trabalho de grande porte, é necessário um líder que irá nortear como funciona todo o procedimento e ficará como responsável pelo andamento de toda a “engrenagem”. Todavia ela deve estar bem concebida. Ruídos sempre surge num grande trabalho, mas se todos estiverem conscientes que ele valerá, não somente, a garantia do diploma, mas uma possível chance empregatícia, esses problemas são corrigidos com naturalidade, não atrapalhando no foco principal do trabalho, que é sua conclusão com êxito.